sábado, janeiro 21, 2017

Egopigramas II

Interpolada de sintaxes
(ou sintexes?)

Exaustivas repetições
Muito latido - ecoando dentro,
quase 300 páginas de latido,
ameaçando morder em míseras palavras.

Decalque de decalque -
original.


sexta-feira, janeiro 20, 2017

Acúmulo de espetáculos
vira seriado, fatiado
com rompimentos-fio
de novela-novelo
vira rotina
nada novo
tudo velho
de tanto novo
é a vida mesma

terça-feira, dezembro 20, 2016

desgraus

Dietética,
a hora é de cortar açúcar.

Antilipídica,
a hora é de pouca gordura.

Antialérgica,
a hora não é de ácaros.

Antisséptica,
a hora limpa o que se procura.

Para o grito sonoro
arreganhar a garganta
arranhada

domingo, dezembro 18, 2016

KZagrande e sua benga

vamos falar sobre cotas
enquanto te vejo cocota
na minha universidade
máscula?

sexta-feira, novembro 25, 2016

nós

fizemos astrologias e guerra

quarta-feira, novembro 23, 2016

esperantolutadança

Um tsunami
debaixo do espelho do corpo
arrebentando em agitações
por dentro

eu aqui na vaga
estacionada

terça-feira, novembro 22, 2016

Essa banha dependurada,
do peso de eras,
de arcadismos
e contemporaneidades,
será arrastada
lado a lado
com o corpo
e o subjecto

quinta-feira, novembro 17, 2016

Automântico

Um sono dentro de um cochilo
um pisco num trago
pescar o peixe
nas ondas das cordas
vocanabis

AleAlter

Ser soprado como papel amassado
por um vento artificial de inesperado
e todo des-, subir um alto curtelástico
sabendo-se cair, encraterado de estaca

Topar (n)a aventura do outro e
num át(im)o de violência
querer apagar as fronteiras
do si e do alter: alter-si, alterse

A

Essa tal é a decepção:
feita com o outro
mas sentida sem ninguém


sexta-feira, outubro 28, 2016

Feitiço de Áquila

Eu querendo as guelas das tarde
Você, os cus das noites

Nada somos

Nosso amor
acaba em sono